A preparação do ficheiro para impressão numa tipografia ou gráfica acaba por ser bastante importante, uma vez que pode comprometer todo o trabalho realizado e gerar resultados inesperados.

Muitas das vezes, quando os ficheiros são criados em Adobe Illustrator (ou noutros programas vectoriais), não basta simplesmente guardar o ficheiro e enviar para a gráfica. Isto porque não é garantido que noutro computador o ficheiro seja visualizado exactamente da mesma forma.

Existem 3 razões principais para que isto aconteça:

1) O texto não está convertido em curvas, o que pode provocar inadvertidamente uma alteração da fonte, e consequentemente arruinar toda a arte gráfica.

2) As imagens não estão incorporadas no ficheiro. Existem duas formas de inserir imagens no Adobe Illustrator.

2.1) Ligando a imagem ao Illustrator – caso haja uma alteração no ficheiro original o ficheiro em Illustrator irá reproduzir essa mesma alteração. Caso o ficheiro seja exportado e enviado para outro computador, a imagem não fará parte deste mesmo ficheiro.

2.2) Incorporando a imagem no Illustrator – esta é a forma mais correcta de importar imagens, uma vez que garantimos que faz parte do ficheiro, e não é susceptível a alterações externas.

3) Sombras e degradês. As sombras e degradês criados no Adobe Illustrator são especialmente sensíveis à versão do software. Imaginemos que o ficheiro original é criado na última versão, e é aberto na gráfica por uma versão anterior, então há uma grande probabilidade de as sobras e degradês sofrerem alterações, características da forma como o programa e cada versão interpreta estes elementos gráficos.

Converter ficheiro Illustrator em PDF

Garantir todos estes pontos anteriores pode ser uma tarefa morosa, e com probabilidade de ocorrerem erros durante o processo. Para além disso, por parte das gráficas há a conveniência de normalizar todos os ficheiros recebidos, independentemente se são criados no Corel Draw, no Adobe Illustrator, Inkscape ou outro software de design gráfico.

Illustrator em PDF

Então a solução mais indicada é o envio de ficheiros em PDF. Caso a exportação seja realizada de forma adequada é possível garantir a qualidade gráfica, e a correcta interpretação de todos os elementos do ficheiro no computador de destino, sejam eles sombras, degradês, imagens ou texto.

Exportação em PDF de alta qualidade

Para exportar a arte gráfica para um ficheiro vector de alta qualidade, em PDF, será necessário seguir os seguintes passos no Adobe Illustrator:

1) Em primeiro lugar será necessário aceder ao menu “Arquivo” e de seguida escolher a opção “Salvar Como…”.

Salvar como no AI

2) De seguida será necessário escolher a localização do ficheiro, e seleccionar “Adobe PDF (pdf)” no campo “Formato” e clicar “Salvar”.

Escolher Adobe PDF no AI

3) Nesta fase surgirá uma janela com várias opções do ficheiro, nomeadamente o nível de compactação das imagens incluídas nesse ficheiro. Dependendo do trabalho a produzir a resolução real dos equipamentos de impressão pode variar de 250 a 1200dpi. Então o ideal é o envio do ficheiro na sua qualidade máxima, sem qualquer tipo de compactação.

Impressão de alta qualidade AI

Assim, deverá escolher-se “Impressão de Alta Qualidade” e de seguida no menu da esquerda, em “Compactação” escolher nos 3 campos “Não reduzir resolução”, como mostrado na imagem abaixo.

Não reduzir resolução AI

Porque não guardar no formato PDF/X-1?

Apenas a opção de “Impressão de Alta Qualidade” se apresenta o mais fiel possível à arte gráfica inicial. Todos os outros formatos, como é o caso do PDF/X-1 irão proceder à conversão de sobras e degradês de forma não fidedigna, o que pode gerar resultados indesejados. Para além diss pode haver discrepâncias na conversão da cor do texto e imagens.

Por melhor que o design gráfico seja, caso a qualidade da impressão não acompanhe esta mesma qualidade a peça publicitária pode estar condicionada. Assim o mais indicado é converter o ficheiro Illustrator em PDF da forma indicada neste artigo.

Tenha em conta que na Webnial – Gráfica Online é sempre efectuada a verificação manual, pela nossa equipa, de todos os ficheiros a imprimir. Assim garantimos a qualidade dos trabalhos impressos, evitando desagradáveis surpresas na hora de receber a sua encomenda, mesmo que estes não sejam enviados no formato adequado.

Este site utiliza cookies para permitir uma melhor experiência por parte do utilizador.

INDIQUE O SEU EMAIL, E RECEBA O CUPÃO
Inscrever
Consinto o tratamento dos dados para uso de acordo com a política de privacidade
Receba todas as promoções por email!
Inscrever
Consinto o tratamento dos dados para uso de acordo com a política de privacidade